Arca de Noé: Ela realmente existiu?

Arca de Noé: Ela realmente existiu?

By Redação


Mesmo depois de 5 mil anos a busca continua! A história da Arca de Noé é relatada em várias culturas e religiões, sendo parte da história dos cristãos, judeus e muçulmanos. E por isso ela está na Bíblia, na Torá no Corão e até na ‘Epopeia de Gilgamesh’, de 2.500 anos antes de Cristo.

A corrida em busca da Arca começou há milênios, mas ganhou força na história recente graças ao piloto russo Vladimir Roskovitski, que supostamente avistou a silhueta de um grande barco em um lago gelado perto do monte Ararat, em 1916. No ano seguinte, o czar Nicolau II, decidiu enviar uma expedição ao Ararat, e segundo algumas teorias da conspiração, a expedição teria conseguido encontrar a Arca, mas todos os documentos e fotos que confirmavam o achado se perderam após a Revolução Bolchevique. Ou seja, nenhuma comprovação de fato…

Arca de Noé encontrada ?

Depois disso, muitos tentaram encontrar a Arca. como o americano Daniel McGivern, que em 2004, anunciou que tinha localizado a Arca através de imagens de satélite da CIA. Ela estaria em uma geleira a mais de cinco mil metros de altura, mas de novo se repetiu o fato de nada ficar comprovado…

A última e mais recente exploração foi feita pelo russo Andrei Poliakov, que em 2003 organizou uma expedição ao monte de 5.435 metros de altura, que faz fronteira entre Turquia, Armênia, Azerbaijão e Irã. O explorador afirma ter comprovado praticamente toda a história da Arca, e ainda disse que Noé não a construiu com suas próprias mãos, mas sim encomendou sua construção! Mas claro que nada foi ainda confirmado de maneira definitiva.

Arca de Noé - evidência

A jazida de Durupinar, a 30 quilômetros ao sul de Ararat, é considerado por muitos estudiosos, como o local onde encalhou a arca de Noé quando a água do dilúvio baixou. O motivo é simples: nessas colinas é possível identificar a forma de um grande barco. Porém, arqueólogos turcos que estudaram o local, concluíram que se trata de uma formação natural que surgiu após um terremoto em 1948.

Outras expedições afirmam terem encontrado as âncoras da Arca de Noé (feitas de pedra com buracos e cruzes entalhadas) próximo dali, mas outros especialistas acreditam que elas são, na verdade, monumentos construídos pelos primeiros cristãos, e nunca fizeram parte da Arca original, se é que ela existiu de fato.

Arca de Noé - Ancoras de Pedra

E caso Ararat tenha sido de fato o porto de destino da Arca de Noé, é pouco provável que seja encontrada qualquer evidência por lá, já que o monte é na verdade um vulcão, e teria queimado qualquer resquício da Arca na erupção de 1840.

Arca de Noé - Evidência no Monte Ararat

.
Supostamente, o único pedaço fossilizado da arca está preservado na Catedral de Echmiadzin, na Armênia, que é objeto de peregrinação há muito tempo. A única Arca que podemos ver de fato, está exposta na Holanda, e foi construída com as supostas dimensões da versão bíblica, com 137 metros de comprimento e 23 de largura.

Arca de Noé - Réplica na Holanda

Pelo menos por enquanto, a Arca de Noé continua sendo um mistério e uma questão de fé, já que a ciência não conseguiu comprovar praticamente nada. E provavelmente essa questão vai continuar inspirando expedições e polêmicas por muito tempo!

Gostou? Então curta nossa página no facebook.
Você vai adorar!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Blogue do autor: Curto e Curioso

 

SIMILAR ARTICLES

0 15